Corredor Dom Pedro de rodovias registra a passagem de 768 mil veículos durante o feriado de Tiradentes

Movimento intenso ocorreu em cinco dias de Operação Especial da Concessionária Rota das Bandeiras

O Corredor Dom Pedro de rodovias teve movimento bastante intenso durante o feriado de Tiradentes, com passagem de 768 mil veículos em cinco dias de Operação Especial realizado pela Concessionária Rota das Bandeiras. O fluxo foi 15,8% acima do previsto inicialmente. O tempo bom durante todo o período contribuiu para o grande volume de tráfego, sobretudo na rodovia D. Pedro I (SP-065).

O retorno do feriado gerou trânsito intenso na região de Atibaia no fim da tarde de domingo. No restante do Corredor Dom Pedro, motorista desenvolveu boa velocidade.

Durante os cinco dias de Operação Especial – entra quarta (20) e domingo (24) -, a Rota das Bandeiras registrou 27 acidentes, com uma morte, no trecho de Campinas. 

Principal ligação entre a Região Metropolitana de Campinas (RMC) e as praias do Litoral Norte, além da conexão com rodovias como a Fernão Dias (BR-381), a D. Pedro I teve fluxo de 533 mil veículos. Na Prof. Zeferino Vaz (SP-332), entre Campinas e Mogi Guaçu, foram 110 mil veículos. Na região de Jundiaí, a Eng. Constâncio Cintra (SP-360) teve a passagem de 96 mil usuários, enquanto a Romildo Prado (SP-063) registrou 28 mil veículos.

Toda movimentação foi acompanhada pelas 94 câmeras do Centro de Controle Operacional (CCO) da Concessionária. Além disso, oito viaturas percorreram as rodovias de forma ininterrupta, para prestar auxílio aos motoristas que precisavam de atendimento, e guinchos e ambulâncias foram posicionamento em pontos estratégicos do Corredor Dom Pedro.

Deixe um comentário