Travessia de Martinho Prado deve ser liberada na segunda-feira, 21

A nova passagem suporta o dobro da vazão em comparação com a que foi destruída. O recurso para a obra é dos cofres do Município e o valor é de R$ 405 mil.

A Secretaria de Obras e Viação de Mogi Guaçu (SOV) está finalizando a construção da travessia da travessia na Vicinal Governador Almino Monteiro Álvares Afonso, que liga o distrito de Martinho Prado à cidade de Mogi Guaçu. A via deve ser liberada na próxima segunda-feira, 21.

A passagem já está asfaltada e agora falta a execução do guarda corpo, calçada e sarjetão. A equipe da secretaria realizará a sinalização horizontal e vertical do local para que o trânsito possa ser liberado.

A construção da travessia começou no dia 29 de junho. A nova passagem suporta o dobro da vazão em comparação com a que foi destruída. O recurso para a obra é dos cofres do Município e o valor é de R$ 405.001,43.

A travessia foi destruída no dia 27 de fevereiro. Desde então, a estrada foi interditada e causou sérios transtornos para quem depende daquela ligação diariamente, principalmente o transporte coletivo, veículos da saúde e caminhões que escoam produção agrícola da região.

A SOV tentou implantar uma ponte móvel no local em parceria com o Exército, enquanto os trâmites jurídicos para a abertura do processo licitatório eram iniciados, mas não foi possível realizar esta ação.

A alternativa vinha sendo percorrer rotas alternativas, em um desvio próximo ao local da queda da passagem, e pelas rodovias SP-147 e SP-191, em Conchal, além da estrada rural da Chácara Alvorada. Com informações do Portal da Cidade Mogi Guaçu.

Deixe uma resposta