Homem é preso após matar a filha com um tiro durante discussão familiar em Araras

Um homem foi preso em Araras após atirar na própria filha, na noite de sábado (13), no bairro Parque Tirandentes. A mulher de 24 anos morreu antes de ser socorrida.

Segundo informações da Polícia Civil, o homem, de 55 anos, foi até a casa do genro para tirar satisfação porque ele estaria agredindo fisicamente a sua filha, mas durante a discussão, a mulher teria tentado impedir o pai, que atirou acidentalmente. Ainda de acordo com a polícia, ele apresentava sinais de embriaguez.

A Secretaria de Saúde Pública informou que policiais militares foram acionados para atender uma ocorrência de disparo de arma de fogo na Parque Tiradentes e, ao se aproximarem do local, viram um carro branco fugindo em alta velocidade.

Os policiais fizeram o acompanhamento e conseguiram interceptar o veículo. O homem parou prontamente e confessou que tinha atirado contra a filha, durante uma briga com o genro. No painel do carro, foi apreendida uma garrucha calibre 38, utilizada no crime.

O homem foi levado pela PM para a delegacia, onde prestou depoimento e depois encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de Limeira onde ficará até a audiência de custódia. O caso foi registrado como homicídio. As informações são do G1.

Deixe um comentário